Storage Replica

A replicação síncrona ocorre entre as cidades enquanto a replicação assíncrona entre os países. Funciona sobre a recuperação de desastres e também para a prevenção dos mesmos.

O “Storage Replica” trabalha em nível de bloco, diferente do DFS, que trabalha com arquivos. Isto é, não importa se o arquivo esteja fechado ou aberto será possível replicar um volume inteiro ou disco inteiro. Por utilizar o protocolo SMB 3.1.1, também permite replicar para vários destinos. A Replicação em bloco ocorres sob o volume CSVFS, NTFS e também ReFS. Gravação de IOPs é essencial para o “Storage Replica”.

Esta funcionalidade permite também replicar o disco ao qual o sistema Windows está instalado, pois não está restrito somente a disco de dados e pode utilizar qualquer armazenamento fixo de disco: iSCSI, Spaces, disco local ou qualquer tipo de armazenamento (iSCSI, FCoE, SAS, etc).

Você pode gerenciar usando “Failover Cluster Manager”, “PowerShell” (não requer um cluster), “WMI”, e no futuro: “Azure Site Recovery (ASR)” e “MS Storage Stack”.

 

Requisitos – Storage Replica

  • Sistema Operacional:  Windows Server 2016 Datacenter.
  • Mínimo de 4 GB de memória física em cada servidor e dois núcleos.
  • Necessário AD (Active Directory) (para SMB para usar Kerberos).
  • Rede 1 Gbps rede entre os servidores ou mais.
  • Regras de firewall e roteador adequadas para permitir ICMP, SMB (porta 445, além de 5445 para SMB Direto) e WS-MAN (porta 5985) o tráfego bidirecional entre todos os nós.
  • Mínimo de 8 GB de espaço livre.
  • Os discos dever ser inicializado utilizando GPT. MBR não é suportado.
  • Somente disco do mesmo tamanho, podem ser replicados entre eles.  Válido também para disco de log.
  • Não é possível utilizar unidades removíveis, como discos USB.

Antes de fazer a replicação, sempre é recomendável fazer um teste de topologia de replicação utilizando o cmdlet Test-SRTopology. Observar se os requisitos estão atendidos: IOPS, largura de banda, tamanho do log, etc. Você pode especificar a duração deste teste. Será gerado um relatório em formato HTML, de maneira gráfica e visual, que torna fácil identificar os problemas reportados.

 

Storage Replica – Server To Self

“Server To Self” permite a replicação do disco local para outro volume dentro do mesmo computador.

 

 “Server To Self” permite a replicação do disco local para outro volume dentro do mesmo computador.

Maiores informações sobre Windows Server 2016 acesse: https://technet.microsoft.com/en-us/windows-server-docs/get-started/what-s-new-in-windows-server-2016-technical-preview-5

Maiores sobre Storage Replica acesse:  https://technet.microsoft.com/pt-br/windows-server-docs/storage/storage-replica/storage-replica-windows-server-2016

Então vamos ao laboratório, aonde será demostrado como configura o Storage Replica – Server To Self.

Faça o download aqui do pdf com o passo a passo.

Bons estudos!