Tag: Windows Server 2016

Série de artigos publicados sobre WSUS.

Bom dia a todos!

Temos mais dois artigos para o
portal Cooperati, projeto B-Expert, o segundo
e o terceiro artigo sobre WSUS já estão no ar.

Para saber mais acesse os links dos artigos abaixo.

 Primeiro

Link do artigo: http://cooperati.com.br/2017/06/29/o-que-e-wsus-planejando-sua-implantacao/

Segundo

Link do artigo: http://cooperati.com.br/2017/07/14/2-continuacao-planejando-sua-implantacao-do-wsus/

Terceiro

Link do artigo: http://cooperati.com.br/2017/08/04/3-continuacao-planejando-sua-implantacao-do-wsus/

Então fiquem ligados!
 
Pois este será uma série de artigos sobre WUS.

 


Comment

WSUS – Atualizações de produtos Microsoft com segurança.

Bom dia a todos!

Em mais um artigo meu para o portal Cooperati, projeto B-Expert vamos falar de WSUS, para quem não conhece WSUS é uma função do servidor Windows, aonde as atualizações são baixar do Windows Update e depois distribuídas em sua rede lan, economizando assim sua banda larga da sua empresa, também é possível gerenciar todas as atualizações e gerar relatórios.
Então fiquem ligados!
 
Pois este será o primeiro artigo da série sobre WUS.
 
Comment

Meu primeiro artigo memorável para o maior portal de tecnologia do Brasil – Cooperati

Olá pessoal.

Estou participando do Projeto B-Expert, aonde o profissional de tecnologia da informação mais influente e prestigiado do Brasil, o famoso Rafael Bernardes, vai dá aquela força para alavancar minha carreira.

Não somente eu participo desse projeto, são apenas 10 pessoas escolhidas para participar desse projeto.

O projeto se trata de escrever artigos para o maior portal do Brasil, Cooperati, todo mês vou escrever um artigo memorável para o portal.

Venho informar a todos vocês, o meu primeiro artigo memorável para o portal Cooperati já se encontra-se no ar, de quebra vocês ainda poderão baixar um conteúdo extra exclusivo.
Neste artigo falo sobre mitos e verdades sobre armazenamento de arquivos nas empresas.
No mais, muito obrigado pela sua atenção,
continue prestigiando o meu trabalho, compartilhando os meus vídeos, meus
artigos, assim você poderá ajudar também, cada vez mais pessoas, e também
ajudar a comunidade em tecnologia da informação crescer.
Comment

Serviço de integração em nuvem com Azure Backup – Recuperar Dados.

Olá!

Vamos continuar nossa série, demonstrando os serviços de nuvem integrado ao Windows Server 2016 Essentials.
Hoje vamos demonstrar em um vídeo, de forma clara é objetiva como fazer a recuperação dos dados que foram armazenados no Azure Backup.
Com isso fechamos nossa série de como fazer um backup é também como fazer a recuperação dos dados, utilizando o Azure Backup.
Para saber mais sobre esse serviço de nuvem Microsoft, Azure Backup acesse: https://azure.microsoft.com/pt-br/services/backup/
Vídeo:
Comment

Como configurar o Serviços de intregração em nuvem, Azure Backup no Windows Server 2016 Essentials.

Nós dias de hoje, as informações
da sua empresa são o que tem de mais importante, imagina perder essas informações, seja por uma falha de um hardware, energia elétrica, infecção por vírus ou até mesmo um furto, aonde o ladrão invade sua empresa, levar o servidor com todas as informações. Sendo assim, é necessário e imprescindível que as cópias de segurança tenham atenção redobrada no dia a dia.

Para isso foi criada a norma técnica ABNT NBR ISO/IEC 27002: Regulamentação de Backup (Antiga IEC 17799), para a proteção de dados e informações de sistemas empresariais, de pequeno a grande porte.

Nível de Backup

Existem algumas formas diferentes de se fazer backups (os chamados níveis). Escolher qual usar depende de certos fatores, como a importância e a criticidade dos dados e a periodicidade em que são inseridas novas informações. Eles devem ser feitos em um disco local, em uma mídia removível e remotamente, como na computação em nuvem, por exemplo.

Azure Backup, Backup como serviço integrado à nuvem simples e confiável.

A vantagens são:

  • Solução unificada para proteger dados locais e na nuvem
  • 99,9% de disponibilidade garantida
  • Destino de backup externo confiável
  • Backups incrementais eficientes
  • Seguro – os dados são criptografados em trânsito e em repouso
  • Armazenamento de backup replicado geograficamente
 Maiores informações sobre Azure Backup acesse: https://azure.microsoft.com/pt-br/services/backup/
 Então vamos ao vídeo, aonde será demostrado de forma clara e objetiva como integrar o serviço de Azure Backup no Windows Server 2016 Essentials, executar o primeiro backup na nuvem.
Vídeo:
Comment

Instalação e configuração do Windows Server 2016 Essentials.

Todas as novidades do Windows Server 2016 Essentials foram mostradas no post anterior.

Neste vídeo demonstro de formar clara e objetiva, a instalação e configuração do Windows Server 2016 Essentials.

Demostro também, como fazer a tradução para o português do Brasil e também atualização.

Então vamos ao vídeo aonde será demostrado de formar clara e objetiva a instalação do Windows Server 2016 Essentials.


Vídeo:
Comment

Novidades do Windows Server 2016 Essentials.

O Windows Server Essentials é ideal para pequenas empresas, isso todo mundo já sabe.Quando surgiu o BackOffice Small Business Server, também surgiu essa nova maneira de gerenciar o seu servidor.

Pequenas empresas não tem condições financeiras, para possuir um departamento de suporte em tecnologia da informação, e nisso que o Microsoft pensou com BackOffice Small Business Server. Facilitar a vida de pequenas empresas.

Mas todas essas facilidades, não começo da noite para o dia, quando Windows NT Server, foi lançado em 1996, após um ano a Microsoft viu que também existia um mercado pequeno, então em 1997, surgiu o BackOffice Small Business Server 4.0, com várias funcionalidades incluídas, como mostra a notícia vinculada, no site da Microsoft Brasil em 1998,

Link da notícia: https://www.microsoft.com/brasil/pr/expone98.htm

Veja algumas telas do BackOffice Small Business Server 4.0, como já existia uma facilidade para fazer o gerenciamento do servidor. Possuía até um guia online,demostrando os principais recursos e funcionalidades do produto

 

No Windows Server 2012, Windows Server 2012 R2 e Windows Server 2016, o Essentials e na verdade uma função que pode ser instalada, chamada Experiência do Windows Server Essentials.

Com a função Experiência do Windows Server Essentials instalada, o Windows Server se comporta de uma outra maneira, facilitando a visualização de alertas do servidor, enviado avisos por e-mail, facilitando a utilização de serviços em nuvem, como a integração com Office 365.

Quando a função Experiência do Windows Server Essentials é instalada, o cliente pode
aproveitar todos os recursos disponíveis em Windows Server 2012 R2 Essentials sem os bloqueios e limites. A função Experiência do Windows Server
Essentials
permite que você:

Proteger o servidor e os dados do cliente, fazendo backup de seu servidor e todos os computadores cliente na sua rede.

Gerencie seus usuários e grupos por meio do painel de servidor simplificado. Além disso, a integração com o Active Directory do Microsoft Azure permite o que os usuários que usam serviços online da Microsoft acessem com facilidade os dados (por exemplo, usuários do Office 365, Exchange Online e SharePoint Online) por meio de suas credenciais de domínio.

Armazene os dados da empresa em um local centralizado.

Integre seu servidor a serviços online da Microsoft, como Office 365, Exchange Online, SharePoint Online e Windows Intune.

A integração com o Office 365 permite que você sincronize e gerencie contas de usuário do Office 365 e o acesso por meio do painel.

A integração com o SharePoint Online permite que você crie e gerencie as bibliotecas do SharePoint por meio do painel.

Use as funcionalidades de Acesso em Qualquer Local no servidor (como o acesso via Web remoto e redes virtuais privadas) para acessar seu servidor, os computadores da rede e os dados de locais remotos de maneira
altamente segura.

Acesse os dados em qualquer local e em qualquer dispositivo usando o portal da Web personalizado da empresa (por meio do acesso via Web remoto).

Gerencie dispositivos móveis que acessam os e-mails da empresa usando o Office 365 por meio do Active Sync no painel de controle.

Monitore a integridade da rede e obtenha relatórios de integridade personalizados. Os relatórios podem ser criados sob demanda, personalizados e enviados por e-mail aos destinatários especificados.

Fonte: https://technet.microsoft.com/library/dn280940.aspx

 

O Windows Server 2016 Essentials possui todas funcionalidades, já adicionas ao Windows Server 2012 R2 Essentials.

Agora vamos as novidades do Windows Server 2016 Essentials:

Integração com Azure Site Recovery Services

Quando o seu servidor Windows Server 2016 Essentials parar de funcionar, seja por falha do hardware ou por algum outro motivo, o Azure Site Recovery Services mantém a continuidade de negócios até o seu servidor
seja reparado novamente.

 

 Integração com Azure Virtual Network

Azure Virtual Network é um serviço oferecido em Microsoft Azure que permite que as organizações criem um ponto a ponto (P2P) ou site-to-site (S2S), rede virtual privada que faz com que os recursos que estão em execução no Azure (tais como as máquinas virtuais e armazenamento) sejam utilizados, como se estivessem na sua rede local, para acesso a aplicativos e outros recursos do Microsoft Azure.

 

Suporte para implantações maiores
Algumas pequenas empresas maiores precisam de mais funcionalidade e capacidade para implementar o Windows Server Essentials eficazmente. Windows Server 2016 Essentials fornece maior capacidade de gerenciamento de domínios, usuários e dispositivos adicionando suporte para implantações maiores com:
  • Vários domínios
  • Vários controladores de domínio
  • Capacidade de especificar um controlador de domínio designado
  • Suporte para 500 usuários e 500 dispositivos
Comment

Atualização (in-loco) do Windows Server 2012 R2 para Windows Server 2016.

 Com a chegada do Windows Server 2016 com tantas novidades em segurança, armazenamento, virtualização, entre outros recursos, porque não atualizar o para esse novo sistema operacional de servidores,
já que as vantagens são muitas.
000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Empresas possui contratos de licenciamento Microsoft com atualização,podem migrar para Windows Server 2016, sem pagar nada a mais por isso, consulte o seu revendedor Microsoft, para saber maiores informações. Então é natural com que as empresas com o tempo, começa a migrar seus servidores para Windows Server 2016, mas sabemos que essa tarefa na maioria das vezes requer muito planejamento e trabalho pela equipe de TI, mas se sua empresa já possui os seguintes sistemas operacionais, instalados em seus servidores, como Windows Server 2012 e Windows Server 2012 R2, esse tarefa se torna um pouco mais fácil e rápida, basta fazer a famosa atualização (in-loco).

000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Vamos algumas considerações antes de sairmos atualizando os servidores da sua empresa. A tabela abaixo resume quais sistemas de operacionais do Windows já licenciado (isto é, não a avaliação) podem ser atualizados para quais edições do Windows Server 2016.

Atualizar significa mover-se da sua versão do sistema operacional existente para uma versão mais recente, permanecendo no mesmo hardware. (Isso é às vezes chamado “” in-loco). Por exemplo, se seu servidor estiver executando o Windows Server 2012, ou Windows Server 2012 R2, você pode atualizá-lo para Windows Server 2016. Você pode atualizar de uma versão de avaliação do sistema operacional para uma versão de varejo, de uma versão mais antiga do varejo para uma versão mais recente, ou, em alguns casos, de uma edição de licença de volume do sistema operacional para uma edição de varejo comum.

Vamos algumas considerações importantes, ao se fazer uma atualização (in-loco).

Atualização funciona melhor em máquinas virtuais, onde os drivers de hardware OEM específicos não são necessários para uma atualização bem-sucedida.

000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Você só pode executar a conversão de avaliação para o varejo com 2016 do servidor Windows que foi instalado usando a opção de experiência Desktop (não a opção Server Core).

000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Se seu servidor usa NIC Teaming, desabilite NIC Teaming antes da atualização e então re-habilitar ele depois que a atualização é concluída. Consulte Visão geral de NIC Teaming para obter detalhes.

000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Verifiquei os requisitos mínimos do sistema, antes de atualizar. Consulte Requisitos do sistema para obter detalhes.

000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Para saber quais as funções são permitidas atualização e migração de papel especificamente para mover para o Windows Server 2016. Consulte Papel upgrade e migração matriz de servidor para o Windows Server 2016 para obter detalhes.
000000000000000000000000000000000000000000000000000000
 
000000000000000000000000000000000000000000000000000000
 
 
000000000000000000000000000000000000000000000000000000
Nesta demonstração, temos o servidor executando as seguintes funções, DHCP, DNS, AD-DS (Active Directory), nenhuma informação será perdida, já que se trata de uma atualização de sistema operacional. O sistema operacional Windows Server 2012 R2 está ativado, utilizamos uma mídia OEM do Windows Server 2016, não é possível fazer com a versão trial.
0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000

Então vamos ao vídeo aonde demostro, como fazer a atualização (in-loco) do Windows Server 2012 R2 para Windows Server 2016.0

0000000000000000000000000000000000000000000000000000

Vídeo:
View 4 Comments

Storage Replica – Server To Self

Storage Replica

A replicação síncrona ocorre entre as cidades enquanto a replicação assíncrona entre os países. Funciona sobre a recuperação de desastres e também para a prevenção dos mesmos.

O “Storage Replica” trabalha em nível de bloco, diferente do DFS, que trabalha com arquivos. Isto é, não importa se o arquivo esteja fechado ou aberto será possível replicar um volume inteiro ou disco inteiro. Por utilizar o protocolo SMB 3.1.1, também permite replicar para vários destinos. A Replicação em bloco ocorres sob o volume CSVFS, NTFS e também ReFS. Gravação de IOPs é essencial para o “Storage Replica”.

Esta funcionalidade permite também replicar o disco ao qual o sistema Windows está instalado, pois não está restrito somente a disco de dados e pode utilizar qualquer armazenamento fixo de disco: iSCSI, Spaces, disco local ou qualquer tipo de armazenamento (iSCSI, FCoE, SAS, etc).

Você pode gerenciar usando “Failover Cluster Manager”, “PowerShell” (não requer um cluster), “WMI”, e no futuro: “Azure Site Recovery (ASR)” e “MS Storage Stack”.

 

Requisitos – Storage Replica

  • Sistema Operacional:  Windows Server 2016 Datacenter.
  • Mínimo de 4 GB de memória física em cada servidor e dois núcleos.
  • Necessário AD (Active Directory) (para SMB para usar Kerberos).
  • Rede 1 Gbps rede entre os servidores ou mais.
  • Regras de firewall e roteador adequadas para permitir ICMP, SMB (porta 445, além de 5445 para SMB Direto) e WS-MAN (porta 5985) o tráfego bidirecional entre todos os nós.
  • Mínimo de 8 GB de espaço livre.
  • Os discos dever ser inicializado utilizando GPT. MBR não é suportado.
  • Somente disco do mesmo tamanho, podem ser replicados entre eles.  Válido também para disco de log.
  • Não é possível utilizar unidades removíveis, como discos USB.

Antes de fazer a replicação, sempre é recomendável fazer um teste de topologia de replicação utilizando o cmdlet Test-SRTopology. Observar se os requisitos estão atendidos: IOPS, largura de banda, tamanho do log, etc. Você pode especificar a duração deste teste. Será gerado um relatório em formato HTML, de maneira gráfica e visual, que torna fácil identificar os problemas reportados.

 

Storage Replica – Server To Self

“Server To Self” permite a replicação do disco local para outro volume dentro do mesmo computador.

 “Server To Self” permite a replicação do disco local para outro volume dentro do mesmo computador.

Maiores informações sobre Windows Server 2016 acesse: https://technet.microsoft.com/en-us/windows-server-docs/get-started/what-s-new-in-windows-server-2016-technical-preview-5

Maiores sobre Storage Replica acesse:  https://technet.microsoft.com/pt-br/windows-server-docs/storage/storage-replica/storage-replica-windows-server-2016

Então vamos ao laboratório, aonde será demostrado como configura o Storage Replica – Server To Self.

Faça o download aqui do pdf com o passo a passo.

Bons estudos!

Comment

www.000webhost.com